O evangelho de Marcos e mais sobre a jornada de Jesus

20 de dezembro de 2017

O evangelho de Marcos foi uma das minhas leituras da primeira semana de dezembro e hoje vou compartilhar no Estante da Nine como foi a experiência com o segundo livro do novo testamento. Contei mais sobre o início dessa jornada na publicação Algumas considerações sobre O evangelho segundo Mateus, e embora eu deva ressaltar novamente que a leitura da bíblia não tenha caráter religioso, tem sido em muitos sentidos esclarecedora e surpreendente

E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os são não necessitam de médico, mas sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.
Marcos - capítulo 2, versículo17

Em muitos sentidos eu gostei mais d'O evangelho segundo Marcos em comparação ao de Mateus. Enquanto o primeiro é praticamente um livro de ensinamentos e regras, nesse segundo a história parece mais próxima de Jesus, o acompanhando nas peregrinações e no contato com o povo, mostrando por outro ponto de vista como foram os milagres e os pedidos que Jesus fez aos seus fiéis e discípulos. 

O evangelho de Marcos também me deixou contrariada com os discípulos e os seguidores de Jesus. Algumas passagens são exatamente as mesmas do livro de Mateus e aqui também existe muita dúvida por parte dos seguidores do profeta. Ao mesmo tempo que veem os milagres, apóstolos e fieis mantém sempre uma dúvida no ar, sempre a incerteza sobre Jesus ser ou não o filho de Deus, como se a cada segundo fosse necessário uma prova, e no momento crucial o deixam sozinho, como sabemos.

E ele, respondendo, disse-lhes: Bem profetizou Isaías acerca de vós, hipócritas, como está escrito: este povo honra-me com os lábios, mas seu coração está longe de mim.
Marcos - capítulo 7, versículo 6

Menor que o anterior, O evangelho de Marcos foi uma leitura rápida e empolgante, principalmente porque visualizei os cenários por onde Jesus passou, bem como as cidades e até mesmo a multidão de forma mais clara que no evangelho anterior. Novamente o destino de João Batista me deixou chocada, principalmente pela vingança e brutalidade. Ver a descrença, a traição e a negação entre os apóstolos me fez pensar, como alguns de vocês me disseram, sobre nossas próprias imperfeições e medos.

Compre na Amazon a nova edição literária da bíblia lançada pela Companhia das Letras

É mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha, do que entrar um rico no reino de Deus.
Marcos - capítulo 10, versículo 25

O evangelho de Marcos reforça a mensagem de Jesus de que devemos fazer o bem, sem esperar recompensas ou créditos, mas sim pela paz, empatia e felicidade coletiva. Também ressalta como é importante nos conhecermos e acima de tudo pensar sobre escolhas, nos caminhos que seguimos e o tipo de mensagem que deixamos entre as pessoas que encontramos. Independente da religião, ou o fato de não ter uma como é o meu caso, não impede que ensinamentos e mensagens da bíblia sejam aplicados no dia a dia. Até aqui a experiência tem sido no mínimo peculiar. E esclarecedora. Até o próximo livro.

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelo link indicado no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine