7 anos de Estante da Nine

1 de maio de 2016

Oi gente, tudo bem? O dia 1º de maio é muito especial porque é o aniversário do Estante da Nine. Em 2016 o blog completa sete anos e nessa data eu sempre sento e penso em tudo que já aconteceu durante esse período. A Nine que escreve hoje é bem diferente da Nine que começou essa página, ainda uma estudante de jornalismo cheia de expectativas. Aos 28 anos a gente percebe e aprende muitas coisas que aos 21 ainda estão longe de acontecer.

Eu novamente estou num período de transição. Minha rotina de trabalho mudou consideravelmente esse ano e eu tento, na medida do possível, manter o Estante da Nine sempre atualizado. Porém, aquela ambição de um post por dia ainda não é viável, embora seja um objetivo. Eu aprendi que é normal ter momentos de desanimo, ficar desmotivada e até pensar em abandonar tudo. O Estante da Nine é um hobbie como já escrevi e comentei muita vezes e a vontade de transformá-lo em trabalho acabou. Por quê?

Bom, porque para transformar o Estante da Nine em trabalho, além da qualidade de conteúdo que eu sempre procuro manter, assim como a sinceridade e transparência, é preciso focar em números. E eu, com muito esforço, desapeguei dos números. Eu quero seguidores e inscritos que se identifiquem com o que escrevo por aqui, que interajam comigo e mesmo que descordem de minha opinião, sintam-se motivados em comentar e discutir os temas. Só números não me interessam mais.

Outra razão importante é que eu não considero mais o Estante da Nine um blog literário. Já falei sobre isso no post de Sumiço, trabalho e novos (ou nem tanto) rumos do Estante da Nine. Claro que os livros sempre serão o tema principal, mas não exclusivo. Eu quero ter a liberdade de sentar e escrever (ou gravar) sobre qualquer assunto que eu considere relevante sem me prender a segmentos. O objetivo é expandir isso também para o canal. 

Outra postura que eu adotei nos últimos anos é falar sobre os livros que eu gostei e recomendo, além das leituras de projetos e desafios, e comentar sobre as experiências negativas apenas se eu considerar relevante a discussão. Minha média de leituras mensais caiu e isso também influência na produção de conteúdo para o Estante da Nine. Não quero encher o blog de posts mais ou menos só para mantê-lo atualizado.

Outras publicações interessantes que podem complementar esse texto de aniversário são Parcerias: ter ou não ter?Desapegar é bom. É inevitável dizer que todas as mudanças que estão acontecendo no Estante da Nine, especialmente a partir de 2014, tem ligação direta com a minha vida e as mudanças que vêm acontecendo nela. Eu amadureci em muitos sentidos e isso também se reflete no blog, que é uma página pessoal

Por fim, é claro que eu não poderia escrever um texto de aniversário sem agradecer a todos que desde 2009 acompanham o Estante da Nine. Só tenho a agradecer aos leitores antigos e aos novos, que sempre comentam por aqui, no canal ou nas redes sociais. É impressionante que naquelas épocas mais desmotivadas eu sempre receba recados ou e-mails que me motivam a continuar. O clichê é real: só faz sentido compartilhar porque vocês estão aí do outro lado. MUITO OBRIGADA!!!

Beijos!