(não indico) Odeio natal de Tiza Lobo

17 de setembro de 2012

Oi gente, como estão? Não é comum postar sobre livros não indicados! É a primeira vez que faço isso aqui no Estante da Nine e nunca li nada neste formato em outras páginas (mas já vi posts com esse propósito). E quero deixar claro que não é uma resenha negativa. É uma não indicação mesmo. 


Comprei Odeio Natal na Feira do Livro de Caxias do Sul de 2011 em um dos muitos balaios de promoções. O preço era bom e a sinopse prometia uma história engraçada. Nasci no dia 25 de dezembro como a protagonista e pensei imediatamente que me identificaria com vários momentos descritos. Não vou mentir, existem mesmo alguns trechos hilários mas, infelizmente, não compensam a falta de conteúdo do resto do livro.

A personagem principal tem uma história surreal, exagerada e um comportamento que não condiz, em momento nenhum, com a idade que tem (mesmo nos trechos em que conta sobre sua juventude e sobre a primeira gravidez, aos 19 anos). As situações engraçadas de uma pessoa que nasce no Natal são (ou podem ser) infinitas, mas a autora se deteve nos motivos mais mesquinhos possíveis para contar a história. 

A personagem, que não é bem desenvolvida, fica ainda mais chata no decorrer da história porque não tem carisma nenhum. Nada no livro envolve o leitor. O humor é apelativo e, por vezes, causa certa irritação. A autora prioriza o fato de que a protagonista não aceita comemorar o aniversário em um dia tão popular, concorrendo com o menino Jesus, que fica nesse ponto o livro inteiro e esquece todas as outras possibilidades de situações engraçadas que podem ser exploradas.

Odeio natal é um livro curto. Mesmo assim, poderia ter aproveitado o tempo com algo mais produtivo. Não indico o livro porque não encontrei nenhum elemento interessante e que possa prender o leitor e valer as páginas. Caso você já tenha lido, deixe sua opinião!

Beijo!

11 comentários

  1. Oi Nine, não li esse livro e pra falar a verdade nem sabia de sua existência, mas pelo título eu já não compraria o livro, e agora com a sua "não indicação" é que não compro mesmo. Já percebi que nossos gostos são um tanto quanto parecidos em relação à leitura então, sempre levo em consideração o que você gosta ou não! Bj

    ResponderExcluir
  2. Oi Nine,
    Gostei da ideia de não indicar.
    Talvez aquele {não indico} deva chamar bastante atenção para a resenha. Foi o que despertou o meu interesse #confesso.

    Sempre pensei em como seria a vida de quem faz aniversário no natal. E deve haver situações infinitas para serem descritas.

    Gostei da sua sinceridade na resenha. E mesmo pela não indicação, fica aquela curiosidade para ler. Mas não em comprar.

    O mais interessante de tudo é que na capa do livro tá escrito: O melhor livro do mundo para quem ama ou odeia o natal.
    E aí a gente lê a resenha...rs

    Bjinhuxxx
    Eu li e Divulgo
    http://euliedivulgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. HAHA Achei a capa linda, porém apelativa com esse "o melhor livro do mundo", a temática também não é das melhores, mas fiquei curioso mesmo sabendo que é ruim, tipo muito superficial e fútil o tema....

    Beijos

    http://tediosoc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gostei da crítica Nine! Não li o livro e não posso afirmar minhas próprias impressões sobre ele, mas acredito que não devemos ter receio algum em admitir que não gostamos de determinado livro nem em parar a leitura, se estiver desagradável. Nossa vida já é curta demais para os bons livros que queremos ler! ;)

    ResponderExcluir
  5. Gostei da ideia da não-indicação! Que pena que o livro não foi bom, dá uma sensação de frustração quando a gente acha que a narrativa vai ser legal, mas decepciona...

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde :)
    Falta de conteúdo e livro curto,ninguém merece :(
    Legal isso de não indicação,muita gente ler os livros,não gosta e não diz isso nos blogs. Acho que deveria ser ao contrario e sim você "alertar" sobre livros que não valham a pena.

    Beijos e cuide-se
    Rimas do Preto

    ResponderExcluir
  7. Ai que engraçado.

    Nascer no Natal não é fácil, sei bem disso, também nasci no natal. Porém não são tão bocó quanto essa pessoa do livro, kkkkkkkkkkkkkkkk

    Adorei o Não indico!!!

    Bjkas


    Alessandra Tapias
    http://www.topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *corrigindo* Não SOU tão bocó. Desculpa, só vi depois.
      Bjkas de novo

      Excluir
  8. Oi Janine!!
    Vim dar uma conferida no seu blog, gostei da sua resenha falada do post ali em cima, mas fui obrigada a me deter aqui! Como assim, um post "Nao indico esse livro?" haha Morri! Achei principalmente corajoso e verdadeiro da sua parte deixar o "mememe" pra lá e ir direto no assunto. Tem gente que se enrola para dizer que não gostou de um livro (com medo das represálias), mas vc foi diretíssima!! Eu tb tenho algo assim no meu blog, mas é referente a filmes, às vezes acontece de serem filmes muito populares, como: "Um dia" ou "Eat, pray, love", que enquanto o povo amou, eu particularmente, detestei!! rsr Gosto é gosto, não dá para agradar gregos e troianos... Pela sua resenha de "Odeio natal" vou passar bem longe do livro se o ver por aí... Nao apenas pelo que vc disse, mas pq não gosto de personagens sem sal, nem açúcar... E essa história contada no livro, está mais para fazer boi dormir, rsr
    Seu blog é uma gracinha, adorei!!
    Mega beijo!!!!

    ResponderExcluir
  9. Poxa,pena que você não gostou...adore esse livro!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Olá! Deixe sua opinião. ;)