Feitiço de Sarah Pinborough

31 de dezembro de 2014




Feitiço
Toda beleza é magia
Autora: Sarah Pinborough
Editora: Única
Edição: 2013
Páginas: 223
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino

LEIA MAIS
Saga Encantadas
Você se lembra da história da Cinderela, com sua linda fada madrinha, suas irmãs feias e um príncipe encantado? Então esqueça essa história, pois nesta releitura de Sarah Pinborough ninguém é o que parece. Em um reino próximo, a realeza anuncia um baile que encontrará uma noiva para o príncipe e parece que o desejo de Cinderela irá ganhar aliados peculiares para ser realizado. Contudo, não será fácil: ela não é a aposta de sua família para esse casamento real, e sua fada madrinha precisa de um favorzinho em troca de transformar essa pobre coitada em uma diva real. Enquanto isso, parece que Lilith não está muito contente com os últimos acontecimentos e, ao mesmo tempo em que seu reino parece sucumbir ao frio, ela resolve usar sua magia para satisfazer suas vontades.

Véspera de ano novo também é dia de resenha. Hoje vou escrever sobre Feitiço, volume dois da trilogia Saga Encantadas da autora britânica Sarah Pinborough. Posso adiantar que gostei bem mais desse livro em comparação com o primeiro volume, Veneno. E estou um tantinho receosa com Poder, o título que fecha as releituras de contos de fadas clássicos da saga. Vamos lá?!

Feitiço reconta a história de Cinderela e como em sua versão mais popular, a jovem é a criada da casa servindo a madrasta, as irmãs e o pai. A garota sonha com o príncipe, literalmente, e quando o baile da corte é anunciado e, além disso, nele será escolhida a esposa do herdeiro do trono, Cinderela vê sua única chance ir por água abaixo. Afinal, a família quer que sua irmã seja a representante (a outra se casou com um barão) e, quem sabe, eleita princesa. Bom, no livro também surge a fada madrinha e lógico que nossa protagonista terá sua chance.

Diferente de Veneno, achei a construção de Feitiço muito melhor. Desde o princípio percebemos a personalidade de Cinderela, seu jeito ousado, desafiador e seus pensamentos picantes. A parte sensual é presente desde o início da história, diferente do volume um que lá pelas tantas descreve uma cena de sexo, assim mesmo, sem sequer preparar o leitor para a situação. Cinderela sonha com o glamour, a vida no castelo e o amor do príncipe, mas também tem pensamentos sobre liberdade e aventura. Ou seja, uma personagem em constante conflito com seus desejos e sonhos.


Embora não seja o foco do livro e apesar de a autora não citar datas, Feitiço traz algumas reflexões pertinentes aos dias de hoje e que, na verdade, existem desde a formação da sociedade. Pobres x ricos, realidade x sonhos, amor x interesse, liberdade x aprisionamento, tudo recheado com uma dose de fantasia. E algumas cenas pesadas como de mutilação. A leitura, que fluí bem, foi super envolvente neste segundo volume.

A conexão de Feitiço com Veneno não fica aparente nos primeiros capítulos, mas a medida que o enredo avança é possível montar o cenário geral que a autora aos poucos apresenta ao leitor. Eu gostei muito de como os elementos se conectam. Na verdade, Feitiço foi uma boa surpresa porque Veneno não me empolgou tanto assim. Quanto ao final, ainda estou em dúvida sobre ele. Acho que só vou esclarecer quando ler Poder, o último livro da trilogia.


No geral, a Saga Encantadas tem sido uma boa leitura. Nunca me interessei por contos de fadas, mas confesso que minha curiosidade está aumentando rápido, hehehe! Gosto muito das capas da trilogia e o trabalho gráfico é lindo. As folhas são amarelas (norbrite plus, de acordo com os créditos). E... o livro é curto gente, vou parar por aqui. Vamos trocando ideias nos comentários, tá?! Vi que muitas pessoas compraram a trilogia nos últimos tempos e gostaria de saber de quem já leu, o que achou. E quem aí quer ler?!

Beijos!
Fotos: Nine Stecanella
*Livro recebido da editora Única
**Ajude o blog comprando pelo link indicado no post ou através do banner do Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine