Aparência

28 de outubro de 2009


Entendo que todos nós temos uma preocupação com nossa aparência. Controle com o que comemos (ou não). Ultimamente mais, principalmente porque a saúde do homo sapiens não anda lá uma maravilha. Tudo muito prático. Tudo muito industrializado.

O trabalho me proporciona conversar e conviver com "N" estilos de mulheres diferentes diariamente. Todas elas, apesar das individualidades, se preocupam expressamente com o que vão comer, com quantas calorias, com os números que aparecem na balança.

Tudo isso é muito conveniente, mas enche a paciência. Chega um momento que batata-frita passa ser o desejo de consumo. E aí, como faz?!