Querido John de Nicholas Sparks

2 de junho de 2011







Querido John
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
Edição: 2010
Páginas: 288
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino

Quando John Tyree conhece Savannah Lynn Curtis, descobre estar pronto para recomeçar sua vida. Com um futuro sem grandes perspectivas, ele, um jovem rebelde, decide alistar-se no exército, após concluir o ensino médio. Durante sua licença, conhece a garota de seus sonhos, Savannah. A atração mútua cresce rapidamente e logo transforma-se em um tipo de amor que faz com que Savannah prometa esperá-lo concluir seus deveres militares. Porém ninguém previa o que estava para acontecer, os atentados de 11 de setembro mudariam suas vidas e do mundo todo. E assim como muitos homens e mulheres corajosos, John deveria escolher entre seu país e seu amor por Savannah. Agora, quando ele finalmente retorna para Carolina do Norte, ele descobre como o amor pode nos transformar de uma forma que jamais poderíamos imaginar.

Querido John funcionou comigo. Este é o segundo livro que leio de Nicholas Sparks e permaneço espantada com o poder de drama que ele coloca em cada história. O que, do meu ponto de vista, é ótimo, porque histórias onde tudo é fácil e feliz me passam uma sensação de vazio, já que a vida real é bem diferente.

Quando John e Savannah se conhecem, logo pensei: o "eu te amo" deve sair na próxima página. Não foi bem assim, mas também não foi muito longe disso. Confesso que duas semanas, do meu ponto de vista, é pouco tempo para se amar alguém (se bem que amor é difícil de entender). Mas não para se apaixonar. O que eles viveram foi uma paixão, e com ela, uma promessa de reencontro.

Ah! A vida não é tão fácil assim, é? John e Savannah vivem em universos totalmente diferentes, logo as coisas não acontecem tão bem quanto imaginavam. As promessas de dias intensos, passam longe disso. Na segunda licença de John, os dias felizes com Savannah não foram assim tão felizes.

E é por isso que gosto tanto do que já li de Nicholas Sparks. Ele coloca uma dose de realidade tão grande que nos faz lembrar de como somos egoístas e não percebemos as necessidades dos outros e queremos, na maioria das vezes, que as coisas aconteçam da nossa maneira. Isso faz a história de John e Savannah tomar rumos inesperados.

Eles fazem as suas escolhas. Primeiro John, que mesmo amando Savannah sente que tem um compromisso maior com seu país. E isso faz com que ela, cansada de esperar por John, faça suas escolhas também. Qual dos dois errou? Nenhum. Acontece que a vida não segue promessas.


PARA VER
*trailer do filme, a próxima resenha aqui do blog


Beijos!

*Ajude o blog comprando pelo link indicado no post ou através do banner do Submarino
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

18 comentários

  1. Assisti ao filme meio aos pedaços, deve ser por isso que não fui muito com a cara não. Na verdade, nunca li nenhum livro do autor mas já assisti vários filmes baseados nos livros dele e não gostei de nenhum =/

    teh mais

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela resenha Nine! Muito em breve pretendo ler Querido John. Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Nine!
    Linda resenha! Querido John é um dos próximos livros na minha lista! Ainda não assisti ao filme, pois quero ler a obra primeiro!
    Adoro Nicholas pelo mesmo motivo que você! Ele consegue colocar boas doses da realidade nos romances, e nem tudo acaba de um modo feliz, mas de uma maneira que aconteceria na vida real!
    Obrigada pela visita e pelo comentário!
    Tem post novo no blog: Resenha - Destino em Vermelho e Preto
    Tá rolando a promoção - Da estante para sua TV - http://migre.me/4E8ep Participe :)
    Beijos, Nath
    @brgnat
    Books In Wonderland - http://booksinwonderland.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gostei da resenha. Nunca tinha pensado que John honrou o seu país, na leitura não prestei atenção nisto.
    A história é muito linda.

    Ralf
    meus-erros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Janine!
    Eu acho que sou a única pessoa da face da terra que ainda não leu esse livro do Nicholas rs. Enfim, espero ter a oportunidade de conferir essa emocionante história de amor ainda esse ano!!
    Adorei a resenha!
    Bom findi.
    Bjos.

    Mariana Ribeiro
    Confissões Literárias.

    ResponderExcluir
  6. Ótima resenha, Nine! ^^
    "A Última Música" e "Querido John" foram os únicos livros do Nicholas Sparks que eu li...e gostei muito de ambos! =)
    Ainda não assisti aos filmes de nenhum dos livros deles, vou ver se aproveito nas férias e faço uma maratona. haha
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, arrepiou essa história... cara esse Nicholas é o cara do drama... to gostando!

    Preciso ler livros dele urgente! hahah

    Beeijooos

    ResponderExcluir
  8. Nunca li o livro nem vi o filme, mas pretendo ler pois gosto dos livros do autor!

    ResponderExcluir
  9. Oi Nine..
    Adorei quando vc disse que funcionou pra você. rsrs

    Não li o livro, mas tenho uma base do que se trata. E concordo com vc:2 semanas é pouco tempo jurar aquele amor eterno, né. Mas nada impede que uma paixão nascer em 15 dias..hehehe

    Fiquei com vontade de ler. O meu primeiro Nicholas Sparks não funcionou pra mim, por isso tenho que dar uma segunda chance.

    bjinhuxxx

    Eu li e Divulgo
    http://euliedivulgo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Eu já li dois livros do Nicholas mas ainda não li Querido John. Adorei o modo de escrita dele e espero ler em breve mais alguns *-* sempre é bom um draminha pra chorar um pouco.

    ResponderExcluir
  11. Realmente a única coisa que me irrita no Nicholas Sparks é esse amor repentino. Surge do nada, como algo... Sei lá como explicar! Não é amor! Não tem como ser. Isso é paixão, apenas isso. E acho que foi por esse motivo que não gostei muito de Querido John.

    ResponderExcluir
  12. ola!!
    janine eu li este livro e amei tb gosto dessa dose de realidade que o Mr. sparks coloca em Querido John, o que só lamento é que asisti primeiro o filme e depois li o livro(que foi um erro) e eu não conseguia me acostumar com a Savanah morena do livro porque na capa e no filme ela é loira!!!Mas enfim o livro é muito bom e amei sua resenha.

    Tem dois selinhos pra seu blog que respondi e indiquei para que vc respondesse tb. espero que goste e obrigada por ser minha seguidora.
    Bjos!!

    ResponderExcluir
  13. Estou com vários livros do Nicholas para ler, inclusive no momento já comecei a ler um deles. Bjs, rose;D

    ResponderExcluir
  14. Nossa, parabéns pela resenha! *-* "Querido John" foi o primeiro livro que me fez chorar, e sim, ele de certa forma é real... Já o filme não me passou a mesma emoção. Sou muito mais o livro!

    ResponderExcluir
  15. Ei Nine,

    Tenho vontade de ler este livro, mas sei que vou chorar horrores rsrs, comprei 3 do autor e ainda não li nenhum :P

    Sobre Diários do vampiro eu tbm amo a série, o quinto livro foi o que eu menos gostei, mais o 6 tem Damon e mais Damon aiai rs.

    bjo
    Nanda.

    ResponderExcluir
  16. Tenho muita vontade de ler nicholas sparks, ouço falar tao bem dele. E pela quantidade de livros q ele tem entre os mais vendidos deve ser realmente ótimo.
    Eu assisti querido john, gostei bastante da historia, apesar de não gostar do final, mas como o filme é sempre diferente dos livros me sinto mto tentado a comprar.

    Abraço
    Victor Lopes
    yaboys.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  18. Eu vivi uma história parecida com a de John e Savannah, que também não teve um final feliz. E por esse motivo eu fiquei tão impressionada com a capacidade do Nicholas Sparks escrever histórias que beiram a realidade.

    Vejo muitas pessoas criticando Querido John, por ter imaginado cartas mais apaixonadas, que achavam que quando eles finalmente se reencontrassem fosse tudo perfeito, mas como eu disse em uma resenha, vou dizer aqui: Quando há distância, o desespero, o ciúmes, as brigas são constantes, e com isso as cartas acabam se tornando mais frias. E quando existe um reencontro, nada sai como planejado. Li esse livro, e senti como se parte da minha vida estivesse em suas páginas. Foi o livro do Sparks que mais me tocou. E não só pelo romance, mas pelo relacionamento de John com o pai.

    Parabéns pela resenha!

    Beijinhos

    Ler e Almejar

    ResponderExcluir

Olá! Deixe sua opinião. ;)