Um lugar para ficar de Deb Caletti

9 de janeiro de 2013




Um lugar para ficar
Alguns segredos são fortes o bastante para destruir você
Autora: Deb Caletti
Editora: Novo Conceito
Edição: 2012
Páginas: 272
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino
O relacionamento de Clara com Christian é intenso desde o começo e diferente de tudo o que ela já havia experimentado. No entanto, o que começa como um grande afeto rapidamente se transforma em obsessão, e já é muito tarde quando Clara percebe que as coisas foram longe demais e que Christian está disposto a fazer de tudo para ficar ao seu lado. Então, Clara parte da cidade e Christian fica para trás. Ninguém sabe onde ela está, mas, mesmo assim, Clara ainda luta para se livrar do medo. Ela sabe que Christian não vai permitir que ela suma tão facilmente. Não importa para onde ela vá, nunca será longe o bastante...

Relacionamento abusivo parece um tema cada vez mais constante em livros do gênero jovem-adulto. Um lugar para ficar da autora Deb Caletti lançado pela Novo Conceito em 2012 foi uma agradável surpresa. Um livro coerente, marcante e com ótima narrativa. É sobre ele que escrevo hoje e compartilho minhas impressões de leitura. 

A protagonista Clara faz uma narrativa em primeira pessoa mesclando capítulos em que conta seu passado e o que ele gerou em seu presente. Livros assim me atraem especialmente porque a possibilidade de o texto se tornar repetitivo e tedioso é menor. A escrita de Deb Caletti é fluída e organizada e esse é o primeiro ponto que vale destacar sobre o livro.

Foto: Nine Stecanella

O modo como Clara se aproxima de Christian é um pouco precipitado, mas compreensível se visto do ponto de vista da atração imediata entre eles. Outro aspecto que gostei da narrativa é que logo nos primeiros indícios de que o garoto tem o comportamento abusivo, a protagonista tenta se afastar aos poucos. Mesmo não conseguindo imediatamente, Deb Caletti não faz sua personagem sofrer ao extremo e mesmo nos momentos em que o leitor pensa que Clara está tomando uma atitude impulsiva, ela está tentando se desprender da situação e do relacionamento de forma racional. 

Outro ponto que vale menção é o relacionamento entre Clara e seu pai. Bobby Oates é um escritor famoso de histórias de crime e está em meio a um novo livro. Porém, assim que Clara abre o jogo e conta à situação que está vivendo, ele não pensa duas vezes, e resolve viajar com a filha para uma pequena praia. Clara e Bobby têm ótimos diálogos e mesmo o pai sendo um tanto "moderno", sabe repreender a filha nos momentos certos. 


A parte da narrativa que mais gostei, sem dúvida, foi a mudança para a pequena cidade. O título do livro dá uma dica enorme do desenrolar final. Não vou me estender nas descrições porque é a surpresa agradável da narrativa. Clara e Bobby dão novos sentidos para suas vidas. Mas acho importante destacar que a protagonista se permite viver neste novo lugar sem drama e sem medo do que aconteceu no seu passado. Com cuidado, sem dúvida, mas sem restrições. Ótimos personagens incrementam a história e detalhes do passado de ambos são revividos para fazer com que o presente seja feliz e completo. 

A edição da Novo Conceito está muito boa. A capa faz jus à história, a revisão está ótima, assim como a diagramação. Folhas amarelas para a felicidade dos leitores. Indico o livro para quem gosta de romance, boa narrativa e também temas como relacionamento abusivo. Em fevereiro a editora lança um novo livro de Deb Caletti e nem preciso dizer que estou louca para ler depois da ótima experiência de Um lugar para ficar.


Que tal um sorteio?!
Sim! A primeira participação é livre e a "única" regra é ter endereço de entrega no Brasil! As demais chances são extras! Boa sorte!



Beijos!
*Livro recebido da editora Novo Conceito
**Ajude o blog comprando pelo link indicado no post ou através do banner do Submarino
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine