Quem precisa de heróis? de Vivianne Fair

12 de janeiro de 2012






Quem precisa de heróis?
Cavaleiros do RPG
Autora: Vivianne Fair
Editora: Lexia
Edição: 2009
Páginas: 464
| SKOOB |
Sephira é uma jovem donzela que está fugindo, sendo perseguida por dois encapuzados. Para a sorte da moça, quatro heróis estilosos surgem para salvá-la. Azar o deles se morrem pelas mãos da mesma. São ressuscitados por um clérigo e têm que pagar uma taxa absurda. Como heróis não costumam ter dinheiro – fazem tudo de bom coração e com os conselhos de seus livros de auto-ajuda – resolvem ir em busca da jovem e receber a recompensa pela captura dela, além de salvar o mundo da ameaça que a moça representa: pode destruir tudo com um espirro. De seu lado, a jovem logo encontra um elfo boa-pinta disposto a ajudá-la. Afinal, ela destruiu a sua aldeia e agora ele não tem nada melhor para fazer. De outro, um belo e poderoso feiticeiro, no melhor estilo vilão de RPG, deseja o poder de Sephira e procura seduzi-la. Envia à moça um ovo, que revela ser um enorme dragão vermelho voador cuspidor de fogo. Claro que isso desperta nela seu instinto maternal e acolhe o dragão de quinze metros com muito carinho. Quem está certo, no final das contas? Você teria alguma idéia de como impedir alguém que pode destruir o mundo na primeira TPM?

Um comédia com muita ação!

Quem precisa de heróis? realmente foi uma boa surpresa. O primeiro ponto positivo do livro é o ótimo texto. Uma leitura que flui de forma impressionante e mantém um ritmo constante, além de ser coerente e conciso. Entramos de cabeça no mundo criado por Vivianne Fair cheio de referências a outras obras, mas totalmente inovador. O humor da autora também é um ponto a destacar. Por vezes ela escreveu exatamente o que eu estava imaginado da situação. 

Os personagens são ótimos. Embora Sephira seja a personagem principal e toda poderosa, gostei de como os capítulos são intercalados pela viagem dela e a dos heróis. Conhecemos cada um deles na medida certa. O texto e a quantidade de informações sobre cada um foi muito bem dosada. Certamente você, leitor, vai se identificar com um dos personagens criado por Vivianne Fair (quem sabe, como foi meu caso, mais que um). É, eu tenho uma queda por elfos. Fazer o quê?!

A aventura de todos eles muda (um pouco) de rumo quando o vilão da história entra em cena e resolve levar Sephira até seu castelo. Isso trouxe ao livro mais um ponto positivo: são três histórias diferentes que se conectam em algum ponto. Muitas surpresas e humor. As notas de rodapé deixadas pela autora auxiliam na linguagem e aproximam o leitor ainda mais da trama.

Os próprios conflitos de Sephira, após fugir, já dariam um ótimo livro! {quero mais Vivianne}

Como o livro é baseado (talvez inspirado defina melhor) em jogos de RPG, minha maior dificuldade foi entender algumas situações. As notas de rodapé me ajudaram muito, mas em alguns casos fui entender o real sentido páginas depois. Embora conheça RPG, nunca joguei. Então se você domina este universo, leia o livro. Se você gosta de aventura e fantasia, Quem precisa de heróis? também precisa entrar na sua lista de leituras. 

PARA VER
*o booktrailer do livro Quem precisa de heróis?


Beijos!