3 motivos para ler Duque e as Mortes de Frank Tartarus e Adan Marini

19 de setembro de 2019

A graphic novel Duque e as Mortes de Frank Tartarus e Adan Marini passou por poucas e boas até chegar na minha caixa de correspondência e exatamente por isso ela ganhou um lugar especial na fila de leitura. Apresentada também como projeto no Cartase, a história protagonizada por Duque de Caxias me surpreendeu demais e por isso merece registro no Estante da Nine com 3 motivos para ler.

Adicione Duque e as Mortes no Skoob

1. O PROTAGONISTA
Eu moro em Caxias do Sul, cidade da serra gaúcha que faz alusão ao protagonista da graphic novel (como várias outras pelo Brasil): o militar e político Duque de Caxias. Patrono do exército do Brasil, Luís Alves de Lima e Silva gera controvérsias, pela crueldade, e também por lealdade ao país. O fato é que Frank Tartarus e Adan Marini utilizam muito bem a figura do militar. A ideia aqui é debater as várias situações em que Duque de Caxias encontrou com a morte, mas não cedeu a ela (ou talvez sim? o que é morrer? e viver?).


Compras de R$2 no Bazar Canaã + looks!

17 de setembro de 2019

Comecei a semana sem voz e a terça-feira por aqui está chuvosa, anoiteceu praticamente ao meia dia. Mesmo com esses contratempos eu queria muito compartilhar os garimpos da última semana e como tenho a péssima mania de procrastinar, não inventei desculpas e já fui logo improvisando um formato de vídeo diferente, e que eu adorei gravar (comenta aqui se você gostou).

Inscreva-se no canal do Estante da Nine no Youtube


A Dama Dourada - dirigido por Simon Curtis (I)

9 de setembro de 2019



A Dama Dourada
(Woman in Gold)
Direção: Simon Curtis (I)
Produção: Origin Pictures
Ano: 2015
Duração: 109 minutos
Filmow | IMDb
Compre o DVD no Submarino

LEIA TAMBÉM
A menina que roubava livros de Markus Zusak

Por enquanto as leituras seguem lentas, mas no final de semana assisti um filme que há tempos estava de olho e sempre perdia o começo. Sábado de tarde, trocando de canal, eu finalmente encontrei a Dama Dourada prestes a começar e foi a oportunidade ideal para matar a curiosidade. O resultado de tudo isso é que o filme de Simon Curtis (I) precisava de uma indicação e um registro no Estante da Nine.

Baseado em fatos reais, o filme ambientado na década de 1980 retrata a batalha de Maria Altmann, uma sobrevivente da Segunda Guerra Mundial vivendo nos Estados Unidos, pela recuperação da pose do quadro de Gustav Klimt - A Dama Dourada, um retrato de sua tia e arte roubada pelos nazista durante a invasão na  Áustria. Começa então uma batalha judicial entre Maria, ajudada pelo jovem advogado Randy Schoenberg, contra o governo austríaco.


4 livros da coleção Grandes Sucessos para ler até dezembro (2019)

3 de setembro de 2019

Já que as coisas estão lentas, eu não li praticamente nada na última quinzena e não tinha tema na segunda para um vlog de leitura, a semana começa com uma meta literária alternativa, tudo a ver com meu amor por coleções de livros, especificamente a Grandes Sucessos da Abril Cultural. Selecionei quatro títulos na estante para ler até dezembro de 2019.

A ideia é que os leitores do Estante da Nine me ajudem a escolher cada livro para um mês, votando através dos comentários do blog ou do canal. A primeira opção da meta é Marnie de Winston Graham, história sobre uma linda mulher, de personalidade histérica, que comente delitos e tem aversão aos homens e sexo, além da promessa de suspense na sinopse.


Meta da semana: 2 a 8 de setembro (2019)

1 de setembro de 2019

A última vez que a Meta da semana apareceu no Estante da Nine foi em abril de 2018 e de lá pra cá muitos dos meus outros projetos para o blog também ficaram parados. Mudança feita, internet instalada, casa quase toda organizada e parece que finalmente vou retomar os planos deixados para trás

A ideia de voltar com a coluna de domingo aconteceu na mesma época da mudança do Leitura todo dia para a segunda-feira. Assim todo final de semana eu compartilho minha meta para os próximos sete dias e, logo após, publico o que rolou na semana que passou. Espero que a dinâmica seja interessante, já que essa publicação no passado sempre gerou interatividade com os leitores.