Extraordinário – dirigido por Stephen Chbosky

5 de dezembro de 2018



Extraordinário
(Wonder)
Direção: Stephen Chbosky
Produção: Lionsgate
Ano: 2017
Duração: 113 minutos
Filmow | IMDb
Compre o DVD no Submarino

LEIA TAMBÉM
Extraordinário de R.J. Palacio

Depois de anos aluguei filmes na locadora e como queria riscar da minha lista algumas adaptações literárias a oportunidade de assistir Extraordinário surgiu. Até inclui o filme (e o livro – que li anos atrás), no Desafio livros e seus filmes na época do lançamento, mas não cheguei a procurar antes do final de semana que passou.

A verdade é que fiquei surpresa com o filme, gostei da adaptação até um tanto mais que o livro, principalmente porque pensei que a versão para a cinema seria mais fantasiosa por assim dizer, mas a história é na verdade o desafio de uma criança para se adaptar a um ambiente novo onde ela é diferente de todos os outros.

Compre o livro Extraordinário na Amazon ou Submarino

O ponto de partida da história é a entrada de August na escola. Auggie nasceu com uma doença congênita craniofacial e desde que bebê passou por diversas cirurgias. Ensinado em casa pela mãe, o menino precisa encarar uma mudança significativa nos meados da infância: entrar para uma escola regular. E é a partir desse grande momento que o telespectador acompanha o primeiro ano de August no ensino fundamental.



Gostei de como o filme é despretensioso e ao mesmo tempo consegue criar uma dinâmica interessante entre crianças e adultos. August enfrenta a aversão dos outros alunos assim que chega a escola, mas também encontra figuras reconfortantes em alguns professores e amigos. Existe equilíbrio ao tratar da diferença, sem esquecer a parte difícil, e que no geral tem uma mensagem extremamente positiva!

Outro ponto positivo da adaptação, e nesse caso o recurso da imagem facilita muito mais que o livro que foca em alguns personagens, é o ponto de vista e sentimento dos personagens que cercam Auggie. O pai e principalmente a mãe são presentes na rotina do menino, mas a irmã também é fundamental, assim como uma amiga dela e os colegas que se aproximaram de August. Na escola o tema também ganhou embate forte, com preceitos bem claros contra o bullying, tema pertinente e atual.

As referências a cultura pop, o tom divertido e ao mesmo tempo sério do filme, além de personagens carismáticos fez com que minha experiência tenha sido positiva e além das expectativas. Verdade que demorei um tempo para assistir, praticamente um ano desde o lançamento, mas a adaptação certamente ficou na lista das boas. E vocês, já assistiram Extraordinário?

Assista ao trailer de Extraordinário

Beijos!

Foto: Divulgação
*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine