Leitura todo dia: semana 77 + projeto de leitura do Novo Testamento!

28 de julho de 2018

O trabalhou voltou, a rotina mudou e eu atrasei o vídeo da semana do projeto Leitura todo dia, mas tudo certo e sob controle apensar da demora, hehehe. No resumo de hoje vou compartilhar os livros lidos entre 18 e 24 de julho, o que foi positivo e o que poderia ser melhor. A semana 77 teve dois dias sem leitura e 103 páginas no total, e o saldo geral é positivo apesar da diferença para o resumo passado.

A semana 77 começou com um capítulo de Deuses americanos de Neil Gaiman na quarta, dia 18. Gostaria de ter avançado muito mais na história que no resumo anterior nem apareceu, e percebi que preciso de um dia livre ou com mais tempo para sentar e retomar de vez a leitura. No ponto em que estou a ideia dos deuses começa a ficar clara, assim como a grande enrascada que o protagonista se meteu.

A missão de Senar de Licia Troisi também aparece na semana 77 com um pequeno avanço. Meu objetivo era concluir o livro, mas algumas inconstâncias do enredo - que até comentei no stories @estantedanine - me fizeram travar na leitura, que eu não pretendo desistir, mas levar sem pressão para o próximo resumo do Leitura todo dia.

O ponto alto da semana foi a volta para o projeto de leitura do Novo Testamento, que eu jurava estar parado há dois meses, mas eram seis. Apesar dos dois dias sem leitura, comecei O evangelho de João no sábado, domingo passou em branco, conclui o trecho na segunda e a terça fechou a semana 77 com 0 páginas lidas. O comentário sobre o quarto grande livro da bíblia já saiu no Estante da Nine, o link está abaixo. E vocês, o que leram nos últimos dias?

Assista ao vlog da semana 77 do projeto Leitura todo dia

LIVROS
A missão de Senar de Licia Troisi (compre na Amazon)
Deuses americanos de Neil Gaiman (compre na Amazon)
O evangelho segundo João (opinião | compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

O reforço de algumas lições no evangelho de João

24 de julho de 2018

Depois de um hiato de seis meses, que eu jurava não ser mais de dois, estou de volta no Estante da Nine para comentar sobre o projeto de leitura do Novo Testamento. Para os leitores que chegaram por aqui agora vale lembrar que a minha experiência com a bíblia não tem como objetivo o estudo religioso, mas o de conhecer uma história que influencia pessoas há gerações. Já comentei sobre os três evangelhos anteriores e é hora de fechar os quatro grandes livros do compilado com João.


A volta para a leitura me lembrou o quanto toda a história tem passagens pesadas e tristes. O que posso destacar da minha experiência com O evangelho segundo João é que é extremamente importante a compreensão de que Jesus foi enviado por Deus para a Terra e é capaz de feitos incríveis graças a essa ligação e esse símbolo é o que determina quem acredita ou não na sua palavra, e portanto quem será salvo - terá a vida eterna, e quem não.

Compre na Amazon a nova edição literária da bíblia lançada pela Companhia das Letras


As viagens de Jesus, os muitos questionamentos sobre ser o filho de Deus, discípulos céticos, milagres para pessoas ignoradas e manifestação em templos e lugares públicos também são destaques da perspectiva de João, que tem o filho de Maria e José, acima de tudo, como centro dos acontecimentos, porque é fundamental entender o que ele representa e o que custou desafiar os costumes para libertar muitas pessoas da submissão e de uma vida infeliz.

No princípio era o verbo, e o verbo estava com Deus, e o verbo era Deus.
João - capítulo 1, versículo 1

Deus nunca foi visto por alguém. O filho unigênito, que está no seio do pai, esse o revelou.
João - capítulo 1, versículo 18

O espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos disse são espírito e vida.
João - capítulo 6, versículo 63

Provavelmente entre os quatro grandes evangelhos esse foi o que mais gostei do texto, da forma como a história é contada. Em muitos momentos parecia um poema, em outras uma análise e ainda uma história de ficção histórica. Apesar dos elementos conhecidos, um dos pontos mais interessantes da experiência com a bíblia até aqui é justamente as perspectivas diferentes dos evangelhos para a mesma história, elemento que me fascina como pessoa, leitora e jornalista.

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelo link indicado no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

Leitura todo dia: semana 76

19 de julho de 2018

A semana 76 do projeto Leitura todo dia engrenou, finalmente. Digo isso porque conclui um livro que há meses se arrastava entre poucos capítulos lidos, a cabeceira e a estante; e ainda comecei uma história nova, sequência de uma trilogia que ficou anos parada na coleção e que o primeiro volume também já passou por aqui há algum tempo. O resumo de 04 a 10 de julho foi puro contentamento e eu estava precisando muito desse sentimento na vida.

A leitura predominante da semana foi O vermelho e o negro de Stendhal. Fiquei cinco dias com ele, apenas a quinta - 05 de julho - passou em branco, e depois de meses adianto esse calhamaço finalmente terminei. Posso dizer que foi uma clássico dos mais interessante, que eu deveria ter dedicado mais atenção para não ler de forma fragmentada, e usa a vida de um jovem camponês para mostrar toda a estrutura social da França do século XIX. Em breve tem experiência de leitura no Estante da Nine (blog e canal).

A missão de Senar de Licia Troisi é o segundo volume d'As Crônicas do Mundo Emerso e minha nova leitura da bolsa. A saudade de ler fantasia bateu, eu queria um livro curto e dinâmico e como já tinha lido o primeiro livro - A garota da Terra do Vento - há um bom tempo estava na hora de dar continuidade a trilogia ou desapegar. Escolhi ler e deve ser um dos livros a aparecer por aqui também na semana 77. E vocês, o que estão lendo?

Assista ao vlog da semana 76 do projeto Leitura todo dia

LIVROS
O vermelho e o negro de Stendhal (compre na Amazon)
A missão de Senar de Licia Troisi (compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

Leituras de junho (2018) - Olivia Pilar, Andy Weir e Anne Golon!

17 de julho de 2018

A conversa hoje é sobre as leituras do mês e o que rolou durante junho, que no geral foi um resumo de vários livros em andamento, uma boa média de páginas, mas com o saldo final ainda abaixo do que eu gostaria: quatro histórias concluídas, mesmo número de maio. O ponto positivo é que duas leituras em andamento há um bom tempo foram concluídas, o que me deixa animada para seguir nesse embalo durante julho. 

Dia de domingo de Olívia Pilar foi a leitura de abertura do mês, um conto envolvente sobre amizade, descobrimento e amor. Na história duas jovens se conhecem em um dia de domingo e começam uma amizade. Um tempo depois uma delas precisa lidar com a paixão pela amiga e escolher entre contar sobre o sentimento ou não, e encarar as consequências da decisão. História jovem cheia de representatividade e assuntos pertinentes, foi um primeiro contato positivo, sem dúvida.

Concluí Os amores de Angélica de Anne e Serge Golon feliz por ter decidido ler a série A Marquesa dos Anjos. Além de uma personagem marcante desde a infância, os autores explicam bem o contexto social, político e religioso da época, mostrando como certas estruturas tendem a se repetir, como o casamento por interesse que Angélica tem que encarar. Tem opinião aqui no blog sobre o livro, confira no link abaixo.

Perdido em Marte de Andy Weir foi a primeira leitura do ano para o Desafio livros e seus filmes e eu adorei, tanto que entrou na lista de favoritos do ano. A história de sobrevivência é muito incomum e bem realista, eu adoro espaço então não é surpresa eu ter gostado apesar da dificuldade com as muitas informações científicas. O livro é um dos próximos temas do blog e do canal, então assina o feed para receber as novidades (e participe das enquetes no stories @estantedanine).

O mês fechou com mais um e-book de Olívia Pilar, dessa vez Tempo ao tempo, um romance entre duas amigas que se conhecem desde a infância, mas parecem ter dificuldade em reconhecer e aceitar o sentimento além da amizade. Nessa história também existe o conflito familiar, parte relevante do amadurecimento dos personagem, assim como encarar diversas responsabilidades. Uma boa leitura também. E vocês, o que leram em junho?

Assista ao vídeo com as leituras de junho

LIVROS
Dia de domingo de Olívia Pilar (compre na Amazon)
Os amores de Angélica de Anne e Serge Golon (opinião | compre no Estante Virtual)
Perdido em Marte de Andy Weir (compre na Amazon)
Tempo ao tempo de Olívia Pilar (compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

O planeta do sr. Sammler de Saul Bellow

13 de julho de 2018



O planeta do sr. Sammler
Autor: Saul Bellow
Editora: Abril Cultural
Edição: 1982
Páginas: 302
Skoob | Goodreads
Compre compre no Estante Virtual

LEIA TAMBÉM
Satiricon de Petrônio
Sobrevivente de um campo de concentração nazista,o velho judeu Sammler emigra para os Estados Unidos e passa a viver outro pesadelo:a desintegração da vida urbana de Nova York.Intimidado pelo que vê(as cabinas telefônicas com os fios cortados,os assaltos à luz do dia,a licenciosidade dos costumes)prefere o isolamento,monologando permanentemente sobre as condições da existência humana.

Leitura todo dia: semana 75

12 de julho de 2018

Quarta ou quinta (quase sempre), vocês já sabem - é dia de projeto Leitura todo dia no Estante da Nine. O vídeo com os livros lidos entre 04 e 10 de julho saiu ontem no canal (já te inscreveu?), e hoje é dia de bater um papo sobre o que rolou na semana 75, que aliás foi boa, com todos os dias com páginas lidas e uma história finalizada (ou duas, mais explico melhor já já).

O livro predominante da semana 75 foi O planeta do sr. Sammler de Saul Bellow, história que dediquei seis dias da semana. Conclui na segunda à noite com uma satisfação enorme por ter gostado do enredo, diferente do que imaginei e que felizmente superou as expectativas. No vídeo da semana eu faço praticamente uma mini resenha (assista abaixo), mas como ele vai ganhar textão aqui no blog na sequência vou resumir em: se gosta de livros existencialistas vale incluir esse na lista de leitura.

Na terça, dia que encerra a semana do projeto Leitura todo dia, li Brasil fantástico de André Vianco, e-book que está há um tempo no Kindle e que eu pensei ter uma apresentação de antologia e conto, mas na verdade é um texto do autor ressaltando a importância de incorporar elementos do folclore brasileiro em histórias de fantasia. Apesar do que não ser o que eu esperava, gostei. E vocês, o que leram nos últimos dias?

Assista ao vlog da semana 75 do projeto Leitura todo dia

LIVROS
O planeta do sr. Sammler de Saul Bellow (compre no Estante Virtual)
Brasil fantástico de André Vianco (compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

Fanny Hill de John Cleland

10 de julho de 2018



Fanny Hill
Autor: John Cleland
Editora: LePM Pocket
Edição: 2008
Páginas: 256
Skoob | Goodreads
Compre na Amazon | Submarino

LEIA TAMBÉM
Madame Bovary de Gustave Flaubert
O livro surpreende pela prosa sensual de Cleland e pelo estilo e elegância que o autor emprega ao contar as aventuras de iniciação sexual de uma jovem - nem tão inocente assim - que, órfã aos quinze anos, vai para Londres tentar a vida e acaba se tornando uma requisitada cortesã. Antes da virgindade de Fanny ser posta à venda por uma cafetina, a jovem se apaixona por Charles, com quem foge. Passam a viver juntos, mas, inesperadamente, ele precisa deixar a cidade. Fanny passa, então, de menina insegura a cortesã de muitos amantes. Nesse ponto, o romance se torna inovador, já que Fanny, além de não mostrar arrependimento pelas suas ações, descreve com detalhes explícitos suas aventuras, conferindo à obra um caráter de ode ao prazer sexual.

Leitura todo dia: semana 74

8 de julho de 2018

A semana 74 do projeto Leitura todo dia foi um pouco diferente das últimas duas, mas levei de boas. No geral, e apesar de não ter lido muito, equilibrei os livros com as tarefas da casa, assisti filmes e anotei algumas ideias para vídeos e posts para o futuro, já que a lista de pautas é grande, hehehe. No papo de hoje vou comentar sobre as leituras entre 27 de junho a 02 de julho.

A primeira história do resumo é o ebook Tempo ao tempo de Olívia Pilar. A história desenvolve o relacionamento de duas amigas que com o passar do tempo percebem que o sentimento existente é mais que amizade. A partir disso as protagonistas terão que lidar com as consequências de suas escolhes e amadurecer de maneira difícil. Tempo ao tempo foi minha segunda experiência com a autora e novamente positiva.

A leitura predominante da semana 74 foi O planeta do sr. Sammler de Saul Bellow. Nos primeiros capítulos eu imaginei que o enredo fosse contextualizar o presente para então explicar o passado, mas na verdade o autor desenvolve a história de maneira muito mais inteligente e curiosa, sempre relacionando uma cena, acontecimento ou fala na atual vida de Sammler com algo idêntico a época da guerra, sua juventude ou o relacionamento com a família e amigos. Espero concluir o livro em breve para comentar em mais detalhes no Estante da Nine.

Na reta final do resumo também separei um espaço para continuar com Deuses americanos de Neil Gaiman, outra história sensacional e em andamento na minha lista. A cada capítulo a parte dos deuses fica mais claro e a cilada que Shadow está envolvido mais grave, por isso mesmo é delicioso acompanhar essa fantasia urbana cheia de cenários peculiares e personagens bizarros. Não sei se o livro vai ser favorito, mas deve ganhar texto e vídeo no blog e no canal. O que vocês estão lendo?

Assista ao vlog da semana 74 do projeto Leitura todo dia

LIVROS
Tempo ao tempo de Olívia Pilar (compre na Amazon)
O planeta do sr. Sammler de Saul Bellow (compre no Estante Virtual)
Deuses americanos de Neil Gaiman (compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine

Brechó Chi Cão: 3 meses de compras incríveis!

7 de julho de 2018

As pautas do Estante da Nine finalmente estão começando a sair da lista de espera e o papo por aqui hoje é causa animal e consumo consciente. Nos últimos meses eu tenho separado algum dinheiro para visitar o Brechó Chi Cão, que acontece no Centro de Convivência da Universidade de Caxias do Sul, e além de fazer achados incríveis e gostar cada vez mais de comprar em brechó, posso ajudar os animais mesmo que com pouco dinheiro.

O intuito das publicações é ajudar a divulgar o brechó e a causa animal para que mais pessoas se interessem pelo tema. No vídeo de hoje, que saiu no canal há alguns dias (já é inscrito?), compartilho com vocês as peças que comprei nas edições de abril, maio e junho do Brechó Chi Cão. Na página deles no Facebook estão todas as informações sobre o bazar mensal, assim como a prestação de contas e projetos paralelos como o de doações de casinhas.



As pessoas que não gostam de comprar roupas usadas podem ajudar doando peças em bom estado, divulgando os eventos do Brechó Chi Cão, apadrinhando animais e adotando, claro. Aqui em Caxias do Sul muitas ONGs e entidades são envolvidas com a causa animal e a sugestão é procurar algum trabalho realizado na tua cidade ou região. Através do imposto gerado na campanha Nota Fiscal Gaúcha também é possível ajudar entidades de vários seguimentos e outros estados além do Rio Grande do Sul também promovem a campanha, informa-se no portal oficial.

Além de ajudar a causa animal eu realmente me identifiquei com o consumo em brechó porque posso variar as roupas que tenho no armário com pouco dinheiro, trocar com a família e enviar para as mesmas ONGs e entidades que eu compro, além de doações para algumas pessoas do bairro. No geral é um circuito bastante eficiente de reciclagem e reutilização de roupas, que quando são de boa qualidade duram por anos e podem continuar em uso, evitando e/ou alertando as empresas da produção excessiva do seguimento têxtil. Espero que gostem das minhas escolhas. Confira no vídeo abaixo!

Assista ao vídeo com minhas compras de três meses no brechó Chi Cão


Beijos!

Os amores de Angélica de Anne e Serge Golon

3 de julho de 2018




Os amores de Angélica
#1 A Marquesa dos Anjos
Autores: Anne e Serge Golon
Editora: Nova Cultural
Edição: 1989
Páginas: 288
Skoob| Goodreads
Compre no Estante Virtual
Bem longe da Côrte, na aldeola de Monteloup, Angélica, a filha predileta do bom e rústico Barão Armando de Sancé, vive no castelo em ruínas da família. Solta pelos campos, para os aldeões é uma linda fada, a quem o futuro não preocupa. Para a família, por sua beleza excepcional, um trunfo a ser explorado. O pai a casa com o temível Joffrey de Peyrac, o Conde de Toulouse -- o homem mais poderoso do Sul da França, mais rico e mais nobre que o próprio rei. Angélica não o conhece, mas dizem que é um feiticeiro, que tem pacto com o Demônio. Um bruxo visado pela Inquisição...

Leituras de maio (2018)

1 de julho de 2018

Eu planejei começar julho com resenha, mas como publiquei as leituras de maio na finaleira do mês de junho no canal (inscreva-se), achei coerente comentar sobre a coluna mensal primeiro, para não destoar ainda mais das pautas, e depois recomendar Os amores de Angélica de Anne e Serge Golon. Então, apesar da demora, aqui está o resumo dos livros finalizados no quinto mês de 2018.

Parque Gorki de Martin Cruz Smith foi a primeira leitura concluída de maio, depois de se estender por semanas. Apesar de alguns desafios com o enredo, a história foi uma das favoritas do ano até agora por misturar elementos como investigação, drama, política, sociedade e romance. Todo livro diferente tem como bônus a pesquisa de assuntos complementares, o que aconteceu com Parque Gorki também. A recomendação já saiu no Estante da Nine e vocês podem ler no link abaixo.

Outra leitura finalizada em maio foi Rubra - a guerreira carmesim de Gaby Firmo de Freitas. Uma história de fantasia com mundo e cenário extremamente ricos, uma protagonista jovem e inconsequente, porém forte, e muitos povos em busca de mudança. Gostei do enredo, que encerra a proposta que é apresentada no início, mas que também me deixou órfã de alguns personagens que ao final eu gostaria que tivessem mais espaço na trama.

O mês fechou com duas leituras no Kindle: O mercador de Veneza de William Shakespeare, peça que tem um tema interessante para quem gosta de direito, contratos e debates interpretativos; e Contra tempo de Henri B. Neto, uma história jovem sobre dois amigos que precisam lidar com uma paixão que nenhum compreende bem, além de uma peculiar reprodução do mesmo dia, um looping temporal. A lista com 3 motivos para ler Contra tempo também está no Estante da Nine no link abaixo do vídeo. Maio no geral foi ok, com boas histórias e uma retomada leve nas leituras. E por aí, como está a rotina literária de vocês?

Assista ao vídeo com as leituras de maio

LIVROS
Parque Gorki de Martin Cruz Smith (opinião | compre na Amazon)
Rubra - a guerreira carmesim de Gaby Firmo de Freitas (compre na Amazon)
O mercador de Veneza de William Shakespeare (baixe de graça na Amazon)
Contra tempo de Henri B. Neto (3 motivos para ler | compre na Amazon)

Beijos!

*Ajude o blog comprando pelos links indicados no post ou através dos banners da Amazon e Submarino;
as compras pagas geram comissão ao Estante da Nine