Estante da Nine (71) - Última edição do ano

23 de dezembro de 2013


PRESENTES
A era do Twitter de Shel Israel
Os pequenos homens livres de Terry Pratchett
A sombra dos homens de Roberto de Sousa Causo
O Mágico de Oz de L. Frank Baum

COMPRAS
Feita de fumaça e osso de Laini Taylor
Bela maldade de Rebecca James
A casa torta de Agatha Christie
Sangue de Adão de Márson Alquati

PARCERIAS
Quero ser seu de Bella Andre
Esconda-se de Lisa Gardner
Dente por dente de Jenny Han e Siobhan Vivian
Teardrop de Lauren Kate
Sombras vivas de Cornelia Funke
Fragmentada de Teri Terry

AUTORES
Terras Metálicas de Renato C. Nonato
Kriguerkan: O braço direito do rei de Wesley Nunes
A base do iceberg de Flávio Sanso

Beijos!

Desastre iminente de Jamie McGuire

20 de dezembro de 2013






Desastre iminente
Autora: Jamie McGuire
Editora: Verus
Edição: 2013
Páginas: 405
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino

LEIA TAMBÉM
Belo desastre de Jamie McGuire
Travis perdeu a mãe muito cedo, mas, antes de morrer, ela lhe ensinou duas regras de vida - ame muito, lute mais ainda. Tendo crescido em uma família de homens que gostam de jogos e lutas, Travis Maddox é um cara durão. Musculoso e tatuado, bad boy até o último fio de cabelo, ele leva uma mulher diferente para casa a cada noite. Até conhecer Abby Abernathy. Determinada a se manter longe de problemas, Abby resiste com todas as forças ao charme de Travis, sem saber que assim só o deixa mais determinado a conquistá-la. Será que o invencível Travis 'Cachorro Louco' Maddox vai ser derrotado por uma garota? 

Minha primeira semana com Kindle

15 de dezembro de 2013

Toda vez que eu olho pra minha estante de não lidos (reorganizada nesta semana), bate uma alegria e também um desespero. Tenho tantos livros na fila que não faço ideia de quando e se vou conseguir conhecer todos. Exatamente por isso eu nunca tive vontade de comprar um e-reader. Curiosidade sim, mas não era algo que prendia a minha atenção.

Tempos atrás baixei o aplicativo do Kindle para o computador. Apesar de vez ou outra ler algum e-book, o formato não me conquistava de jeito nenhum. Mesmo assim, e especialmente pelo blog, continuei fazendo algumas tentativas. E então depois de uma série de contratempos com meu netbook e minha câmera, troquei meu pedido de aniversário, que inicialmente era de um celular, para o leitor de livros digitais.

Algumas pessoas me perguntaram como escolhi entre o Kindle e o Kobo, mas na verdade eu aproveitei a oferta do Ponto Frio na Black Friday para pedir meu presente de aniversário. Confesso que minha decisão foi um tanto precipitada, já que o celular também seria para dar um "up" nas tarefas do blog, mas sem computador e câmera, pouco me adiantava um aparelho telefônico novo (e meu pai agradece pela economia da situação).

Assim que o Kindle chegou eu viciei no aparelho. Ao conectar minha conta de e-mail, que eu já usava no aplicativo para o computador, meus e-books foram automaticamente para a memória do dispositivo. A experiência de leitura é muito mais agradável do que no netbook, a leitura flui  mais rápido e a praticidade do aparelho vale cada centavo do investimento.


A minha maior surpresa foi que, mesmo com tantos livros na estante, não imaginei que fosse gostar do Kindle. Mas nesta primeira semana, meu ritmo de leitura aumentou de forma considerável e bem natural, não apenas em relação ao aparelho, como também aos livros físicos.

Minha escolha para estrear o e-reader foi Línguas de Fogo (acima). A história é voltada especialmente ao público jovem e é a típica jornada do herói, onde dois personagens vão em busca de uma cura (para um deles), depois da vila em que moravam ser atacada por uma criatura terrível. Apesar de alguns trechos onde as situações são convenientes, gostei do livro. Segredos e mistérios dão um toque especial. E para leitores mais novos, na faixa de 10 a 13 anos, é uma boa porta de entrada para o gênero.



Minha segunda escolha da semana foi o incrível Invasão, livro um da trilogia A noite em que as estrelas caíram, da também incrível Vanessa Bosso. Como fã de Stargate, achei incrível a forma como a autora conduziu sua história de ficção científica e adorei encontrar elementos comuns do gênero na história, mas dentro do contexto criado para o livro.

A personagem principal é extremamente cativante, apesar de conservar algumas opiniões radicais, que ao longo da história começam a ruir quando alguns segredos são revelados. Além de toda a ação com perseguições, lutas e a ameça da guerra eclodir a qualquer momento. Super indicado para quem gosta do gênero ou quer conhecer mais. Além disso, sou fã de Vanessa Bosso e sempre falo isso por aqui.



Para este domingo escolhi o livro Com o amor de uma fada, que baixei na última sexta no site da Amazon e comentei sobre ele na página do Estante da Nine. Não li nada de fadas até hoje e estou curiosa para saber como Lya Gallavote construiu sua história.

Acho que deu pra perceber que estou amando o Kindle, né? Apesar disso, não pretendo parar de colecionar e ler meus livros físicos, já que a experiência é bem mais sensorial e agradável. Na verdade, tenho intercalado as leituras e usado o aparelho para conhecer o trabalho de novos autores.

A funcionalidade do Kindle é bem instintiva e logo o usuário se acostuma com os comandos básicos. Minha versão é a mais simples, mas para meus objetivos está mais do que perfeita. Minha única queixa é que para digitar é um pouco cansativo, já que ele não tem teclado externo e a escrita é feita através dos cursores, o que leva tempo. Apesar disso, pelo preço da promoção, R$199, foi um ótimo investimento.

Espero que tenham gostado do post. Senti a necessidade de escrevê-lo porque nunca liguei muito para e-reader e gostei muito de usar o Kindle deste o começo

Beijos!
Fotos: Nine Stecanella

Estante da Nine 2014: mudanças e expectativas

13 de dezembro de 2013

Oi gente, tudo bem? O post de hoje é com um vídeo rápido onde conto algumas mudanças e projetos que pretendo retomar no Estante da Nine em 2014. Alguns amigos também já comentaram sobre o tópico em seus blogs e acredito que cada um de nós esteja buscando uma forma de continuar blogando sem aquela pressão de ler mais, postar mais e viver menos. Claro que conto com as dicas e sugestões de todos vocês para posts, leituras, filmes e séries de TV. Não comentei no vídeo, mas as enquetes serão mensais e fixas! Espero que gostem! 


Beijos!

Bruxos e bruxas de James Patterson

10 de dezembro de 2013





Bruxos e bruxas
#1 Bruxos e bruxas
Autores: James Patterson e Gabrielle Charbonnet
Editora: Novo Conceito
Edição: 2013
Páginas: 288
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino
Em pleno século XXI, os irmãos Allgood, With e Whisty são arrancados de sua casa no meio da noite e jogados na prisão, acusados de bruxaria. Vários outros jovens como eles foram sequestrados, presos e outros desapareceram. Tudo isso acontece porque o mundo foi comandado por um novo governo "Nova Ordem", que acredita que todos os menores de dezoito anos são suspeitos e que praticam bruxaria. Quem comanda a N.O é O Único Que É O Único, e seu objetivo é tirar tudo que faz parte da vida de um adolescente normal, livros, música, arte, comandar o mundo e desvendar todos os segredos da magia. Qualquer forma de protesto contra a N.O será punida com muita rigidez e tortura, até que a pessoa possa completar dezoito anos, e assim ser condenado a morte. A missão dos irmãos Allgood é livrar o mundo desse novo regime e resgatar seus pais desaparecidos. Mas será que eles conseguirão enfrentar a Nova Ordem, salvar todos dessa tortura e encontrar seus pais?

Leituras de novembro (2013)

7 de dezembro de 2013


LIVROS
Eu, robô de Isaac Asimov
Finale de Becca Fitzpatrick
Desastre iminente de Jamie McGuire
Em chamas de Suzanne Collins (resenha)

Beijos!

14 metas para 2014

4 de dezembro de 2013

Oi gente, tudo bem? Final de ano é sempre aquela coisa: hora do balaço geral do que aconteceu nos últimos doze meses. Posso afirmar sem dúvidas que 2013 foi um dos piores anos desde que me lembro. Parte disso é porque eu tinha certeza de que ele seria ótimo e muito proveitoso (o que se provou foi exatamente o contrário). Então, contradizendo minhas próprias ideias, vou fazer uma pequena lista de metas para 2014.

Eu sou péssima com metas. Exatamente por isso escolhi fazer um post público no Estante da Nine para que eu lembre, constantemente, que compartilhei com todos vocês alguns dos meus objetivos para o próximo ano (e a missão de quem ler o 14 metas para 2014 é cobrar para que eu faça tudo que escrevi aqui).


Escolhi o número 14 somente para combinar com o ano (é, sou dessas). Também não vou propor nada de super mirabolante, afinal a ideia é motivar e não deprimir. Muitos blogs fazem posts de metas e quem quiser entrar na proposta é só me contar nos comentários que vou adorar conhecer os objetivos de vocês! :)

VAMOS LÁ
  1. Ler três livros, ou mais, por semana; 
  2. Ir ao cinema duas vezes por mês (ou mais); 
  3. Começar a ginástica ou pilates; 
  4. Fazer a carteira de motorista; 
  5. Comprar um computador novo (não foi novo, mas já melhorou muito)
  6. Diminuir, consideravelmente, o tempo no Facebook (detox já)
  7. Visitar o Rio de Janeiro (desisti desse item)
  8. Fazer a primeira viagem internacional; 
  9. Assistir a um jogo do San Francisco 49ers (caso o item 8 seja cumprido, claro); 
  10. Aprender a fazer cheesecake; 
  11. Seguir um cronograma de postagens semanais para o Estante da Nine; 
  12. Passar mais tempo com meus amigos e família (no mundo real, não virtual); 
  13. Decidir meu futuro acadêmico: pós, mestrado, outra graduação?; 
  14. Começar e terminar nosso homeoffice. 

Então é isso galera. O que acharam das minhas 14 metas para o próximo ano? E quais são as suas?

Beijos!

Lenny Cyrus, o supervírus de Joe Schreiber

3 de dezembro de 2013





Lenny Cyrus, o supervírus
Autor: Joe Schreiber
Editora: Globo Livros
Edição: 2013
Páginas: 272
Skoob | Goodreads
Compre no Submarino
O que você seria capaz de fazer para conquistar seu grande amor? A maioria das pessoas provavelmente pensaria em comprar flores ou chocolates. Uma ou outra apostaria em um jantar a dois ou numa declaração de amor escrita num papel perfumado. Mas encolher-se quanticamente a ponto de entrar na corrente sanguínea do ser amado para ter a chance de convencer os neurônios dele a se apaixonarem por você – essa ideia só poderia sair da cabeça de um gênio de 13 anos como Lenny Cyrus. Inspirado nos filmes Viagem Insólita (1987) e Querida, encolhi as crianças (1989), Lenny cyrus, o supervírus conta a história alternando os pontos de vista de Zooey, Harlan e do próprio Lenny, que lidam não apenas com paixões não correspondidas, mas com ciúmes, expectativas, relacionamentos complicados com os pais e com os colegas mais valentões, e com outros de dramas típicos da adolescência.